Fred aponta erros no Atlético-MG e comenta situação atual da equipe
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Fred aponta erros no Atlético-MG e comenta situação atual da equipe

Fred - Atlético Mineiro
Bruno Cantini / Atlético
RADAR - 02/12/2017 - 19:07
Belo Horizonte (MG)
Na véspera da partida contra o Grêmio, jogo que vale uma vaga na Libertadores para o Atlético-MG, o atacante Fred falou sobre a situação atual do time, que além de vencer, precisa de uma combinação de resultados de outros jogos para conseguir ter acesso à competição continental do ano que vem.

- Oswaldo pediu para a gente não se preocupar no que acontece durante os jogos, mas é quase impossível. Vamos fazer nossa parte e procurar saber dos outros resultados. Não é simples, a gente depende dos outros, quem sabe a vaga não vem para a gente. Todos os erros que a gente comete temos que usar para crescer, amadurecer. Pelo que a gente fez, acho que estamos na situação que a gente merece. Temos que ganhar e depender dos outros. As outras equipes fizeram por merecer estarem melhor. A gente fez por merecer estar nessa situação. Não foram os últimos dois jogos, cinco jogos - reconheceu o atacante.

Vários erros cometidos durante a temporada foram apontados pelo centroavante. Fred falou especificamente sobre as excessivas trocas no comando técnico.

- Oswaldo tem uma média muito boa, esse ano tivemos três treinadores. A troca é ruim para qualquer clube, não só para o Galo. É ruim para toda equipe que troca muito. Vai sofrer, brigar lá embaixo. Todo mundo tem uma parcela de responsabilidade no ano, que não foi do jeito que a gente esperava, achava que deveria ser. Precisa servir de aprendizado para todo mundo - comentou o jogador.

Não é novidade que a equipe do Atlético-MG era apontada como uma das melhores do Brasil. Durante o ano, no entanto, o time não conseguiu vencer nenhum tipo de expressão. Fred falou sobre as cobranças em cima do Galo.

- É impossível você pedir ao Robinho que dê voadora como o Donizete dava. É diferente. Não fomos o melhor de nós mesmos. Sofremos pressão da torcida, da imprensa, e caímos na pressão. Tem que dar carrinho, vir atrás. Tem que ter a raça que a torcida quer, mas eu preciso ter na grande área, brigando com o zagueiro. Saímos das características, não fomos nós mesmos - lamentou o atacante.

Sobre as características do elenco atual do time mineiro, Fred pontuou que falta velocidade na equipe.

- Não é crítica para a diretoria: nós fomos treinados para jogar com a bola. O time tem muita qualidade técnica com a bola. Passe, posse. Tivemos fases de jogar muito bem tocando a bola. Mas sentíamos a necessidade da fumaça (jogadores de velocidade) No Galo. Otero é bom no um contra um, mas não é velocista. Cazares não tem característica de ponta. Era um alívio para todo mundo ver o Luan jogando, tinha mais profundidade. Sofremos um pouco com isso. Lembro do Roger (Machado) pedindo profundidade, mas a gente sofria, porque não tinha essa característica - comentou o jogador.


icone-carregar-comentCreated with Sketch.
CARREGAR COMENTÁRIOS
Facebook Lance Twitter Lance